GAPA promove roda de conversa sobre direito à convivência familiar

GAPA promove roda de conversa sobre direito à convivência familiar

O GAPA (Grupo de Apoio à Adoção) de Jaguariúna promove no próximo sábado (25 de maio) uma roda de conversa com o tema “Família, Uma Construção Afetiva: Sobre Adoção e o Direito à Convivência Familiar”.  A reflexão será conduzida por profissionais da Vara de Infância e Juventude da comarca local, com o apoio de alunos e professores do curso de psicologia da UniFAJ (Centro Universitário de Jaguariúna). O evento, em comemoração ao Dia Nacional da Adoção, acontece a partir das 14h, no Parque dos Lagos, em Jaguariúna.

Segundo Helem Sandra Albino, psicóloga judiciária da Comarca de Jaguariúna, o objetivo é sensibilizar a sociedade quanto ao direito fundamental à convivência familiar de crianças e adolescentes, contribuir para eliminação de preconceitos e discriminações em relação a adoção e divulgar o trabalho do Grupo de Apoio à Adoção enquanto respaldo social e psicológico para pais e pretendentes adotivos. A iniciativa conta com o apoio da Prefeitura de Jaguariúna, através das secretarias de Assistência Social e Turismo e Cultura, e é aberta ao público.

Dados do Conselho Nacional de Justiça, de agosto do ano passado, mostram que no Brasil cerca de 9 mil crianças e adolescentes esperam por adoção. São 44,2 mil pais cadastrados a espera de completarem suas famílias. Nem todas as crianças abrigadas estão disponíveis à adoção, a menor parte está apta, outra aguarda decisões judiciais.