ENIC completa 10 anos e reúne mais de 90 trabalhos

ENIC completa 10 anos e reúne mais de 90 trabalhos

Nos dias 4, 5 e 6 de dezembro, a UniFAJ – Centro Universitário de Jaguariúna promoveu mais um Encontro de Iniciação Científica – ENIC, neste ano foi a sua décima edição. Ao todo, 91 trabalhos foram apresentados no campus I e II, de 19 cursos de graduação da instituição e da FAAGROH – Faculdade de Agronegócios de Holambra, totalizando mais de 180 alunos participantes. Reunindo trabalhos do PIC – Programa de Iniciação Científica que é coordenado pelo NEPI – Núcleo de Estudos e Pesquisas Interdisciplinares e Trabalhos de Conclusão de Curso e também de TCC – Trabalho de Conclusão de Curso.

Todos os cursos apresentaram seus trabalhos no período noturno, exceto Medicina Veterinária, e apresentaram seus projetos para uma banca avaliativa composta por docentes da UniFAJ e convidados.

A abertura no campus II foi realizado pelo diretor Acadêmico de Unidade, Professor Flávio Fernandes Pacetta e pela Prof.ª Dr.ª Ana Maria Girotti Sperandio, coordenadora Geral do Núcleo de Estudos e Pesquisas Interdisciplinares (NEPI). Já no campus I, a abertura foi no dia 5, e o diretor Acadêmico de Unidade, Professor Hector Escobar fez as honras. 

No segundo dia do evento, os alunos Anthony Marques Gianeli, Marcos Paulo Lopes e David Martins Brito Bezerra, que cursam o 8º semestre do curso de Ciência da Computação, foram premiados pela instituição devido a participação deles no 19º Conic-Semesp, maior congresso de iniciação científica do Brasil que rendeu o premio na categoria Em Andamento dentre os projetos na área de Ciências Exatas e da Terra. 

Projeto de alunos da UniFAJ é um dos melhores entre mais de 3,5 mil trabalhos em todo o Brasil

O curso de Engenharia de Controle e Automação realizou o seu encontro no dia 12 e contou com 11 projetos de conclusão de curso. Dentre os projetos estava um protótipo e um modelo comercial, de um Termocirculador no modelo Sous Vide, para cozimento a vácuo. O trabalho, que foi elaborado pelos alunos Denny Lawrence da Silva, Vinicius Junqueira e Daniel Pinhone, chamou atenção do público. O objeto procura cozinhar o alimento, seja legumes ou carne, em todas as suas dimensões e devido a sua característica a vácuo, o produto também protege de interferências externas e desta forma, preserva os nutrientes da comida. “A proposta é tornar esse tipo de cocção acessível. É usado em cozinha industrial com custo alto, conseguimos desenvolver com custo baixo e deixar acessível para qualquer pessoa ter esse tipo de alimento em casa. O resultado é satisfatório“, disse Daniel. O trio ainda ressalta que os fornos e fogões convencionais não assam o alimento da mesma forma em todos os pontos, já que ocorre uma variação de calor e neste Termocirculador, é possível ter o controle da temperatura. 

Este projeto foi desenvolvido como um Trabalho de Conclusão de Curso, mas os alunos deixam claro que estão em busca de investidor. “Se alguém quiser patrocinar, estamos aceitando propostas”, revelou Denny. 

Em comemoração aos dez anos do evento, o NEPI reuniu todos os trabalhos de 2019 em um livro digital, disponibilizando a todos interessados. Acesse aqui. 

Em todos os dias do evento, os alunos receberam seus familiares e amigos na instituição.

Mais fotos: UniFAJ Oficial – Facebook