EmpreendCont 2019 testa conhecimentos dos alunos da UniFAJ e prepara para o mercado de trabalho

EmpreendCont 2019 testa conhecimentos dos alunos da UniFAJ e prepara para o mercado de trabalho

Os alunos do 6º semestre do curso de Ciências Contábeis da UniFAJ (Centro Universitário de Jaguariúna) tiveram a oportunidade de colocar em prática o que aprendem em sala de aula na realização da 13ª edição do EmpreendCont. O evento, que aconteceu no dia 4 de novembro no Teatro Municipal Dona Zenaide, de Jaguariúna, foi promovido como um desafio aos graduandos e faz parte da disciplina Gestão Empreendedora, ministrada pelo professor Romilson Cesar Lima.

 “Para esse ano nosso diferencial foi tratar sobre o mercado de trabalho. Os desafios que tem para conseguirmos novas oportunidades em um mercado tão dinâmico, disruptivo, e cheio de novidades tecnológicas”, explicou o professor Romilson. “Para demonstrar este panorama, estamos com duas jovens aqui hoje, uma especialista em contabilidade digital e outra especialista em contratação de consultores”, falou o docente, em referência às palestrantes Tamires Coelho (ex-aluna da UniFAJ) e Amanda Adami.

 O professor Anderson Silva, coordenador do curso de Ciências Contábeis, cita que EmpreendCont fecha todo um processo desenvolvido pelos alunos. “O processo para nós é mais importante que o evento em si, porque durante todo o semestre os alunos vão construindo esse evento. Eles precisam montar (o evento) com o se fosse um plano de negócios. A partir daí vão fazendo etapa por etapa, quando precisam ir atrás de empreendedores, de patrocinadores, de palestrantes. Tem todo um processo que leva até o EmpreendCont, que depois, inclusive, é feito um relatório. E esse processo é que é avaliado”, explica o coordenador.

 O diretor acadêmico de Unidade (Campus 1), professor Hector Escobar, reforçou que o evento é muito tradicional e que é o momento em que os alunos encerram um ciclo de trabalho do semestre.

 APRENDIZADO

 O EmpreendCont é organizado em diversas fases, nas quais os graduandos são divididos conforme suas habilidades pessoais, formando equipe de Administração de pessoas, Administração de produção, Administração de marketing e Administração Financeira, como se fosse uma empresa.

 Após isso, as equipes são responsáveis por conseguir patrocinadores para aquisição de coffee, compra de brindes, formar parcerias para promover a decoração, música; buscar palestrantes, convidar autoridades do município e dos conselhos regional e/ou federal da contabilidade (CRC), convidar diretores e os graduandos das demais turmas de Ciências Contábeis e de outros cursos. Além disso, cuidam de todos os contatos, divulgação e relacionamento.

 “É importante porque o aluno aprende a organizar um evento. E quando você está em uma empresa, tem que correr atrás de muitas coisas. O evento ensina muitos pontos que vão fazer parte da nossa vida profissional futuramente”, acredita a aluna Amabile Moraes Alves.

 Para o estudante Carlos Roberto Santos, o EmpreendCont pode contribuir bastante no aspecto profissional por ser um evento muito conhecido na cidade e, por isso, pode agregar ao currículo. “Numa entrevista de emprego, por exemplo, podemos falar que participamos da organização”, cita.

 “Muito importante essa oportunidade que a faculdade nos deu de poder gerenciar todo um evento. É um marco muito relevante de experiência na nossa carreira profissional. Tivemos um grande aprendizado com isso”, define a aluna Marina Fernandes.

EXPERIÊNCIAS

 A 13ª edição do EmpreendCont trouxe ao público que lotou o Teatro Municipal Dona Zenaide duas palestras, além de apresentação de música ao vivo na recepção os convidados.

 A primeira palestra foi com Tamires Coelho, ex-aluna de Ciências Contábeis da UniFAJ, que contou sua trajetória como estudante e na vida profissional. “Em 2015 eu assisti a esse evento (EmpreendCont) e em 2016 eu participei da organização. É bem gratificante palestrar e contar a minha história. É um incentivo aos alunos, e faz eles verem que alcançar os objetivos é próximo da realidade deles”, afirmou Tamires, que é contadora digital e empresária contábil.

 A segunda a subir ao palco foi Amanda Adami, graduada em Ciências Contábeis e pós-graduada em Desenvolvimento do Potencial Humano. “Falar aqui foi superimportante. Acho sensacional a UniFAJ dar essa oportunidade para os alunos de entender um pouco mais do mercado de trabalho. Porque quando a gente está na faculdade, não sabe muito por qual caminho trilhar. Portanto ter um momento para discutir esse tema é muito relevante“, afirmou Amanda, que também falou de sua carreira profissional e das exigências atuais do mercado de trabalho.