Docentes se reúnem para discutirem as conquistas do primeiro semestre Educar e futuras ações

Docentes se reúnem para discutirem as conquistas do primeiro semestre Educar e futuras ações

Por Marina Lopes

No último dia 1º, docentes do Centro Universitário de Jaguariúna (UniFAJ) e da FAAGROH (Faculdade de Agronegócios de Holambra) se reuniram no Anfiteatro do campus II da UniFAJ para discutirem as ações e os planejamentos para o segundo semestre, além de discutirem os ganhos e conquistas da implementação da plataforma de ensino Educar que entrou em vigor no início do ano.

O Projeto EDUCAR trouxe um grande desafio para a vida dos discentes e docentes das IES no primeiro semestre de 2019, uma vez que utiliza uma didática que tem como objetivo formar alunos preparados para o mercado de trabalho. Estudantes que, além de desenvolverem suas técnicas, competências e habilidades, também desenvolvem a visão crítica, transformando-se em profissionais e seres humanos capazes de lidar com diferentes situações do cotidiano.

De acordo com a professora e gestora dos Projetos Acadêmicos da UniFAJ, Beatriz Passos, os alunos destacaram-se com resultados muito positivos no semestre passado – “Ficamos impressionados com a qualidade do que foi produzido nos projetos”, diz.

Mais um dos pontos de qualidade destacados durante a reunião foi o fato de que o desempenho dos alunos no primeiro semestre foi mais alto em comparação aos semestres anteriores, tanto em relação a frequência como nas notas obtidas, provando que o aluno, quando inserido ao um ambiente educativo voltado à prática e ao conhecimento diferenciado, se desenvolve de maneira muito mais intensa, colaborativa e eficaz.

Por fim, a última e não menos importante conquista desse primeiro semestre “foi a quantidade de registros [fotográficos] que os docentes fizeram durante suas aulas. Registros extremamente ricos que transformaremos em e-book”, comemora Beatriz Passos.

Sobre a avaliação, a professora define, “institucionalmente, nós estamos extremamente confiantes no que temos desenvolvido. Nos preparamos para desenvolver o Educar e acreditamos que esse é o caminho a ser seguido no Ensino Superior, o caminho da autonomia do aluno baseado no desenvolvimento das competências não só técnicas, mas também as competências sócio comportamentais que o mercado tanto exige. Então, a nossa avaliação é muito positiva”.

A professora reforçou durante o encontro o quão desafiador é o novo método de ensino, pois de acordo com a docente o aluno deixa de ter uma postura passiva e passa a ter uma postura ativa em sala de aula, sendo responsável por sua própria formação, tornando-se também um aluno investigativo, autônomo e transformando a informação que ele descobre em conhecimento. “Para o professor também é desafiador, porque ele tem que abraçar novos horizontes de forma diferenciada e estar disposto a mudanças” completa.

VESTIBULAR

Ainda dá tempo de ingressar na UniFAJ ou Faagroh neste semestre. Não perca tempo! Faça agora a sua inscrição para o Vestibular Continuado pelo link: vestibular.poliseducacional.com.br/Inscricao.aspx.