Curso de Psicologia da UniFAJ promove sarau Por Você Eu Falo

Curso de Psicologia da UniFAJ promove sarau Por Você Eu Falo

O curso de Psicologia da UniFAJ promoveu pelo segundo ano consecutivo o sarau Por Você Eu Falo, no anfiteatro do campus II, no dia 22 de outubro. Reunindo alunos de todos os semestres do curso, professores e a coordenação, os alunos do 2º semestre apresentaram trabalhos socioculturais, em parceria com estudantes de Ciência da Computação, sob os temas Racismo, Homofobia e Machismo.

Coordenados pela professora Valéria Bastelli, os trabalhos que abordaram o Racismo, abriram a noite de apresentações. Neste bloco temático, teve a declamação de um poema, encenação de peça teatral explicando os tipos de racismos existentes e foi finalizado com uma roda de samba homenageando a sambista Inove Lara, que faleceu este ano. O aluno Marcos Leonardo do Prado, foi um dos integrantes do grupo que trouxe o Projeto Quintal do Portuga. Quatro músicos e o estudante UniFAJ, tocaram três canções que ficaram conhecidas mundialmente na voz da artista brasileira. Para Marcos, atividades práticas como o sarau são essenciais para sua formação profissional. “Estimular a sala a exercitar essa questão e desta forma fugindo da zona de conforto e também é legal para os colegas se conhecerem melhor e quebrar o gelo”, disse.

Os blocos temáticos seguiram com apresentações sobre Homofobia, que um grupo recitou o poema de Henrique Marques que viralizou nas redes sociais nas últimas semanas, que relata os enfrentamentos que os gays passam no cotidiano na sociedade brasileira. E os grupos sobre Machismo, buscaram apresentaram diversas peças teatrais que buscaram conscientizar o público sobre a violência contra mulher e formas de denúncia.

A cada término dos blocos, havia uma banca formada por especialistas que debatiam sobre os temas. Estava o professor do curso e geógrafo, Luis Felipe Valle que foi o mediador da mesa, a coordenadora do Centro de Referência em Direitos Humanos na Prevenção e Combate ao Racismo e Discriminação Religiosa de Campinas, Jacqueline Damazio Armando e a Rafaela de Melo Pereira, que é filósofa formada pela Unicamp.

Durante sua explanação, Jacqueline apresentou dados atuais sobre o racismo no Brasil levantando em questão que 54% da população brasileira é formada por negros e pardos, e mesmo assim o país é considerado um dos mais racistas e que assassina negros.

Dentre outros pontos abordados e discutidos no sarau Por Você Eu Falo do curso de Psicologia da UniFAJ, o evento buscou conscientizar os presentes sobre esses três tipos de preconceitos que a sociedade pratica e sofre, e desta forma incentivando os alunos do centro universitário a praticar a empatia, como ressaltou a docente Valéria Bastelli.

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful