Alunos de Pedagogia Refletem Sobre Inclusão por Meio de Metodologias Ativas

Alunos de Pedagogia Refletem Sobre Inclusão por Meio de Metodologias Ativas

O 3º semestre do curso de Pedagogia da UniFAJ, na disciplina de “Inclusão, Educação e Diversidade” ministrada pela professora Regina Maringoni, finalizou a leitura do livro “Inclusão escolar: o que é? por quê? como fazer? ”, um clássico da área para se pensar inclusão na escola, da Profa. Dra. Maria Teresa Egler Mantoan, no dia 27 de abril.

Na noite foi aplicada uma Metodologia ativa para reflexão final do livro, denominada “Painel Integrado”. A autora analisa em profundidade o caminho percorrido pela construção de uma escola inclusiva. Segundo ela, incluir é não deixar ninguém de fora da escola comum, ensinando todas as crianças, indistintamente. A pedagoga propõe um deslocamento da visão educacional que se sente ameaçada pela inclusão para uma perspectiva que se abre para outras formas de ensinar e avaliar a aprendizagem.

“Conhecendo o potencial teórico da educação inclusiva e sua implicação no campo da mobilização social, a professora Mantoan mostra a importância da análise do contexto escolar, para entender as dificuldades de atender a estudantes com deficiência e apontar o propósito da inclusão como objetivo primordial dos sistemas de ensino”.

O utilização das metodologias ativas aponta para a busca por novas formas de ensinar e aprender, sendo imprescindíveis nesse processo. Busca-se cada vez mais metodologias inovadoras, que coloquem o protagonismo discente e propiciem nova práxis educativas, transformadora do anterior ensino de instruções e comandos. Tal protagonismo, por sua vez, deve-se conduzir, em seu construto histórico e dinâmico, por valores éticos, reflexivos e inovadores, que incluam uma práxis educativa sempre mais humanizada.