Ex-alunos de particulares têm maiores cargos do que os de universidades públicas

Segundo uma pesquisa feita pela Franceschini Análises de Mercado, 77% dos profissionais que ocupam postos de alto e médio escalão – presidência, diretoria e gerência – das maiores empresas do país com sede em São Paulo formaram-se em faculdades particulares.

Atualmente, as instituições privadas formam 65% dos universitários brasileiros. Baseados nesses dados, podemos constar dois pontos interessantes: a presença de alunos de estabelecimentos de ensino particular em postos de comando numa taxa superior à dos formandos (77% contra 65%) mostra que as faculdades privadas podem estar mais focadas do que as públicas e, apesar de o diploma original do candidato poder ainda ter algum peso na contratação, ele não irá interferir na condução de sua carreira.

Outro ponto a ser destacado sobre a ampliação do mercado de faculdades particulares foi a necessidade de se preencher a lacuna da falta de vagas suficientes para o acesso ao nível superior. “Com a democratização do ensino superior, o quadro de formação superior no Brasil mudou e a expansão de programas como o FIES e o Prouni aumentaram a demanda de oferta de cursos graduação. Hoje, o mercado, apesar de competitivo, tem absorvido todos os que se dedicam à profissão, independentemente de onde estudaram”, comenta o diretor do Cesvale (Centro de Ensino Superior do Vale do Parnaíba), José Airton Veras Soares.

Fonte: Portal AZ

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful