Aprovados: alunos da FAJ se destacam em processo seletivo de mestrado no ITAL

Aprovados: alunos da FAJ se destacam em processo seletivo de mestrado no ITAL

Alunos de Engenharia de Alimentos da FAJ são aprovados no mestrado acadêmico do ITAL – Instituto de Tecnologia de Alimentos de Campinas.

O ITAL vinculado a Agência Paulista dos Agronegócios (APTA) e Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, realiza atividades de pesquisa, desenvolvimento, assistência tecnológica, inovação e difusão do conhecimento nas áreas de embalagem e de transformação, conservação e segurança de alimentos e bebidas.

O objetivo do programa é formar pesquisadores, docentes e profissionais qualificados na área de alimentos, com competência para atuar em projetos de pesquisa, lecionar no nível superior e atender demandas do setor para o desenvolvimento de alimentos saudáveis e seguros.

A ex-aluna, Karen Linelle, formada em 2012, conta que estabeleceu uma rotina de estudos durante meses antes da prova que ocorreu neste último semestre de 2014.

“Foi uma revisão de vários conceitos vistos em sala de aula. Todo o material guardado da época da graduação foi de grande importância para um bom desempenho na prova”, explica a estudante que também conta sobre sua expectativa para sua nova fase profissional.

“Minhas expectativas são de muito trabalho e estudo para os próximos anos, já que pretendo seguir a carreira de pesquisador científico, área na qual me identifiquei muito. Fui contratada pelo GEPC (Grupo de Engenharia de Processos), grupo integrante do ITAL (Instituto de Tecnologia de Alimentos), em julho de 2013 e desde então a equipe sempre me apoiou para a dedicação acadêmica”.

Além disso, Karen adiantou os detalhes de seu mestrado, no qual pretende trabalhar em um tema voltado nas atividades que irá realizar no GEPC, aliado às necessidades da Indústria de Alimentos.

“O expertise do Grupo são os trabalhos ligados a alimentos termoprocessados, dentro desse tema existem muitos pontos para serem estudados, trazendo sinergia entre a indústria e o mundo acadêmico”, frisou.

O graduando Luis Marangoni, comenta que recebeu grande apoio da instituição durante os cinco anos de curso.

“Recebi muito incentivo dos docentes do curso de Engenharia de Alimentos, os quais considero muito capacitados para contribuir na formação dos futuros engenheiros, muitos deles contribuíram com meus estudos fora do horário de aula, sou extremamente grato a eles”, Além disso, o estudante explanou suas ambições em relação aos novos desafios que irá enfrentar em seu mestrado.

“As expectativas daqui pra frente são de continuar buscando conquistas, mesmo sabendo que tenho muito trabalho pela frente, sei que isso trará bons resultados, pois estou com muita disposição para contribuir com o mercado de pesquisa e mercado acadêmico”.

SOBRE O ITAL

Fundado em 1963, como Centro Tropical de Pesquisas e Tecnologia de Alimentos (CTPTA), o ITAL atualmente concentra suas atividades em três grandes áreas, especializadas em tecnologia, ciência e qualidade de alimentos e embalagem.

A área de tecnologia inclui unidades especializadas em produtos cárneos, cereais, chocolate, balas, confeitos, produtos de panificação, laticínios, frutas, hortaliças, engenharia de processos industriais e tecnologia de pós-colheita. Já a área de ciência e qualidade abrange laboratórios de análises químicas, físicas, sensoriais e microbiológicas. A área de embalagem, por fim, possui setores especializados em materiais metálicos, vidro, plástico, celulósicos e de distribuição e transporte.

Hoje, o ITAL se destaca por desenvolver tecnologias que ampliam o “tempo de prateleira” dos produtos e viabilizam o aproveitamento de resíduos de processamentos. Os projetos ligados à saúde do consumidor e à segurança de alimentos estão no foco da atividade científica do ITAL-APTA.

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful